Logo Junker Group

Parceiros para o futuro

SPINEA s.r.o.: Precisão associada à produtividade na indústria da robótica

A SPINEA é fabricante de engrenagens de redução de alta precisão. Desenvolvidas e aperfeiçoadas para a indústria da robótica, esses redutores são utilizadas pelos fabricantes de robôs líderes do mercado. Por isso, a precisão é exigida desde a fabricação: com as retificadoras JUCRANK e JUMAT da JUNKER, a SPINEA assegura o preenchimento dos elevados requisitos de qualidade de seus produtos.

Robôs industriais executam tarefas cada vez mais exigentes. Para que as sequências de movimentos se processem sem falhas e, portanto, a tecnologia complexa esteja sempre pronta para entrar em operação, a qualidade dos componentes é de extrema importância. Os elementos principais aqui são as engrenagens: eles controlam os movimentos tridimensionais dos braços dos robôs nas articulações. A SPINEA se especializou na produção dessas engrenagens de alta qualidade.

A empresa SPINEA foi fundada em 1994 na cidade eslovaca de Prešov. O objetivo dos fundadores era criar processos operacionais sem falhas com engrenagens de qualidade para aplicação em robôs. "Nossa reivindicação é a fabricação de produtos de qualidade, com os quais nos possamos destacar dos outros fornecedores", explica Peter Sedlák, responsável pela tecnologia de automação na SPINEA.

O plano funcionou: atualmente, a empresa com tecnologia exclusiva é líder de mercado internacional na área de engrenagens de redução compactas – e está em constante crescimento. Um das razões para este sucesso é a cooperação com o fabricante de retificadoras JUNKER.

Retificadoras JUNKER: precisão e produtividade

A qualidade de primeira classe das engrenagens de redução ultraprecisas da SPINEA exige tecnologia de fabricação que também trabalhe com o mesmo grau elevado de precisão. Entre outros requisitos, era necessária a circularidade exata das peças com uma tolerância máxima de meio mícron. Na busca por máquinas que atendem a essa enorme exigência, finalmente foi encontrada pelo especialista de redutoras. "Apenas a JUNKER estava em condições de cumprir nossas especificações", refere o senhor Sedlák. Assim, em 2013, a primeira retificadora não cilíndrica JUCRANK assumiu o complexo processamento dos eixos excêntricos na SPINEA. Em 2014 foi adicionada a JUMAT, a retificadora cilíndrica para retificação de internos e externos, que processa a carcaça e o flange.

O efeito colateral positivo da troca das máquinas usadas até esse momento pela JUCRANK e pela JUMAT para a SPINEA: "A estabilidade da nossa produção assim como a repetibilidade dos processos de retificação melhoraram substancialmente.", esclarece Peter Sedlák. Além do mais, as quantidades de peças produzidas aumentaram, pois as retificadoras da JUNKER permitem um rendimento duas a três vezes superiores. Assim, a especialista de transmissões está em condições de fazer face à crescente demanda de seus clientes com as máquinas disponíveis.

JUCRANK: cada mícron conta

Na retificadora não cilíndrica JUCRANK, a SPINEA fabrica os eixos excêntricos, as "peças de alta velocidade" do mecanismo de redução na engrenagem de ultraprecisão. Aqui, os elevados requisitos do cliente representam um enorme desafio em termos dos componentes. "Para a circularidade, o formato do cilindro, a concentricidade e a rugosidade, toleramos um desvio máximo de meio micrômetro", esclarece Peter Sedlák. Essas especificações são extremas, sobretudo para a fabricação de eixos excêntricos. Isso porque a geometria especial das peças normalmente necessita de um processamento em várias operações. Porém, devido às múltiplas passagens entre máquinas, a qualidade exigida não é alcançável.

Com a JUCRANK, a JUNKER consegue a exigida precisão micrométrica dos eixos excêntricos graças à retificação de desbaste e o acabamento final sem efetuar setup. No processo de retificação pendular, a JUCRANK realiza todas as tarefas de usinagem no eixo em apenas uma fixação. Essa retificação completa proporciona uma elevada segurança processual, uma excelente qualidade de retificação e uma grande precisão dimensional. Além disso, na área µ, uma guia especial controlada por CNC faz oscilar, durante o processo de retificação, o cabeçote no qual são montados os rebolos estreitos de retificação. A grande vantagem desse eixo de ajuste desenvolvido pela JUNKER: é possível criar um formato de perfil único para cada mancal e moente, com compensação da conicidade e sem mudar de retificadora.

JUMAT: uma máquina para muitas demandas

Da mesma forma, em uma só fixação, a retificadora cilíndrica para retificação de internos e externos JUMAT processa carcaças e flanges para as engrenagens de redutores. Essa robusta retificadora cilíndrica retifica simultaneamente peças internas e externas. Os rebolos de retificação de CBN e diamante utilizados permitem a retificação com uma velocidade elevada e, desse modo, um alto desempenho de usinagem. No caso da retificação de internos, ainda são utilizados rebolos especiais com uma alta velocidade. Desse modo, a JUMAT alcança uma velocidade de corte superior a 110 m/s, inclusive na retificação de internos e apesar do diâmetro do rebolo pequeno.

Sua alta velocidade de corte combinada com a retificação precisa foi um fator decisivo na decisão da JUMAT por SPINEA:

Assim o tempo de ciclo requerido torna possível um rendimento significativamente superior. Além disso, a JUMAT convenceu graças à sua versatilidade e flexibilidade: diversos formatos de peças e inúmeras variantes de cabeçotes porta rebolos oferecem soluções individuais para diferentes requisitos. E graças ao sistema de fixação de 3 pontos desenvolvido pela JUNKER, é possível um set up rápido e simples. Para a SPINEA, esse é um forte argumento para a escolha de máquinas, já que o especialista em redutores retifica cerca de 20 tipos de peças semelhantes na JUMAT.

SPINEA e JUNKER: parceiros para o futuro

Outro fator de decisão importante para a cooperação com a JUNKER é a assistência técnica no local: caso ocorra uma falha inesperada, a filial do fabricante de retificadoras na cidade tcheca de Holice está sempre disponível. "A JUNKER consegue atender nossos altos requisitos tecnológicos com facilidade. E, além do mais, é um parceiro que pensa junto.", explica o senhor Sedlák. O responsável pela tecnologia de automação acrescenta ainda: "Na qualidade de fornecedor da indústria automotiva, a JUNKER tem experiência com tempos de ciclos de produção e períodos improdutivos curtos.” Com esse conhecimento, nosso parceiro também nos assessorou na construção de uma estação de trabalho robotizada para carga e descarga de peças.

Não é de admirar que a cooperação de sucesso desses dois parceiros "Partner for Precision” continue no futuro: a SPINEA irá substituir gradualmente as máquinas improdutivas ou antiquadas pelos modelos da JUNKER que já deram provas de suas qualidades na produção. A SPINEA também já tem planos concretos para os próximos anos. Devido à elevada demanda, o especialista irá aumentar sua produção. Máquinas adicionais deverão ser adquiridas em Prešov.

Na imagem da esquerda para a direita: Peter Palko (operador de máquinas na SPINEA), Peter Sedlák, Daniel Adamíra (Gerente de vendas de área da JUNKER).

Diversos formatos de peças e inúmeras variantes de cabeçotes fixos de retificação contribuem para uma versatilidade imbatível.

No caso da retificação de internos na JUMAT são utilizados cabeçotes de retificação especiais com uma velocidade de rotação elevada. Desse modo, ela alcança uma velocidade de corte de mais de 110 m/s.

Qualidade, tempo do ciclo, disponibilidade: a retificadora cilíndrica para retificação de internos e externos JUMAT, não deixa nada a desejar.

O eixo excêntrico, a carcaça e o flange da engrenagem de redução de alta precisão "TwinSpin" são usinados pela SPINEA com retificadoras da JUNKER. (Fonte: SPINEA)

Assistente de produto

x
Drücken Sie Enter zum Suchen oder ESC zum Schließen

Solicitar informações do produto sobre:

Inquérito

Inquérito

Parceiros para o futuro

SPINEA s.r.o.: Precisão associada à produtividade na indústria da robótica

A SPINEA é fabricante de engrenagens de redução de alta precisão. Desenvolvidas e aperfeiçoadas para a indústria da robótica, esses redutores são utilizadas pelos fabricantes de robôs líderes do mercado. Por isso, a precisão é exigida desde a fabricação: com as retificadoras JUCRANK e JUMAT da JUNKER, a SPINEA assegura o preenchimento dos elevados requisitos de qualidade de seus produtos.

Robôs industriais executam tarefas cada vez mais exigentes. Para que as sequências de movimentos se processem sem falhas e, portanto, a tecnologia complexa esteja sempre pronta para entrar em operação, a qualidade dos componentes é de extrema importância. Os elementos principais aqui são as engrenagens: eles controlam os movimentos tridimensionais dos braços dos robôs nas articulações. A SPINEA se especializou na produção dessas engrenagens de alta qualidade.

A empresa SPINEA foi fundada em 1994 na cidade eslovaca de Prešov. O objetivo dos fundadores era criar processos operacionais sem falhas com engrenagens de qualidade para aplicação em robôs. "Nossa reivindicação é a fabricação de produtos de qualidade, com os quais nos possamos destacar dos outros fornecedores", explica Peter Sedlák, responsável pela tecnologia de automação na SPINEA.

O plano funcionou: atualmente, a empresa com tecnologia exclusiva é líder de mercado internacional na área de engrenagens de redução compactas – e está em constante crescimento. Um das razões para este sucesso é a cooperação com o fabricante de retificadoras JUNKER.

Retificadoras JUNKER: precisão e produtividade

A qualidade de primeira classe das engrenagens de redução ultraprecisas da SPINEA exige tecnologia de fabricação que também trabalhe com o mesmo grau elevado de precisão. Entre outros requisitos, era necessária a circularidade exata das peças com uma tolerância máxima de meio mícron. Na busca por máquinas que atendem a essa enorme exigência, finalmente foi encontrada pelo especialista de redutoras. "Apenas a JUNKER estava em condições de cumprir nossas especificações", refere o senhor Sedlák. Assim, em 2013, a primeira retificadora não cilíndrica JUCRANK assumiu o complexo processamento dos eixos excêntricos na SPINEA. Em 2014 foi adicionada a JUMAT, a retificadora cilíndrica para retificação de internos e externos, que processa a carcaça e o flange.

O efeito colateral positivo da troca das máquinas usadas até esse momento pela JUCRANK e pela JUMAT para a SPINEA: "A estabilidade da nossa produção assim como a repetibilidade dos processos de retificação melhoraram substancialmente.", esclarece Peter Sedlák. Além do mais, as quantidades de peças produzidas aumentaram, pois as retificadoras da JUNKER permitem um rendimento duas a três vezes superiores. Assim, a especialista de transmissões está em condições de fazer face à crescente demanda de seus clientes com as máquinas disponíveis.

JUCRANK: cada mícron conta

Na retificadora não cilíndrica JUCRANK, a SPINEA fabrica os eixos excêntricos, as "peças de alta velocidade" do mecanismo de redução na engrenagem de ultraprecisão. Aqui, os elevados requisitos do cliente representam um enorme desafio em termos dos componentes. "Para a circularidade, o formato do cilindro, a concentricidade e a rugosidade, toleramos um desvio máximo de meio micrômetro", esclarece Peter Sedlák. Essas especificações são extremas, sobretudo para a fabricação de eixos excêntricos. Isso porque a geometria especial das peças normalmente necessita de um processamento em várias operações. Porém, devido às múltiplas passagens entre máquinas, a qualidade exigida não é alcançável.

Com a JUCRANK, a JUNKER consegue a exigida precisão micrométrica dos eixos excêntricos graças à retificação de desbaste e o acabamento final sem efetuar setup. No processo de retificação pendular, a JUCRANK realiza todas as tarefas de usinagem no eixo em apenas uma fixação. Essa retificação completa proporciona uma elevada segurança processual, uma excelente qualidade de retificação e uma grande precisão dimensional. Além disso, na área µ, uma guia especial controlada por CNC faz oscilar, durante o processo de retificação, o cabeçote no qual são montados os rebolos estreitos de retificação. A grande vantagem desse eixo de ajuste desenvolvido pela JUNKER: é possível criar um formato de perfil único para cada mancal e moente, com compensação da conicidade e sem mudar de retificadora.

JUMAT: uma máquina para muitas demandas

Da mesma forma, em uma só fixação, a retificadora cilíndrica para retificação de internos e externos JUMAT processa carcaças e flanges para as engrenagens de redutores. Essa robusta retificadora cilíndrica retifica simultaneamente peças internas e externas. Os rebolos de retificação de CBN e diamante utilizados permitem a retificação com uma velocidade elevada e, desse modo, um alto desempenho de usinagem. No caso da retificação de internos, ainda são utilizados rebolos especiais com uma alta velocidade. Desse modo, a JUMAT alcança uma velocidade de corte superior a 110 m/s, inclusive na retificação de internos e apesar do diâmetro do rebolo pequeno.

Sua alta velocidade de corte combinada com a retificação precisa foi um fator decisivo na decisão da JUMAT por SPINEA:

Assim o tempo de ciclo requerido torna possível um rendimento significativamente superior. Além disso, a JUMAT convenceu graças à sua versatilidade e flexibilidade: diversos formatos de peças e inúmeras variantes de cabeçotes porta rebolos oferecem soluções individuais para diferentes requisitos. E graças ao sistema de fixação de 3 pontos desenvolvido pela JUNKER, é possível um set up rápido e simples. Para a SPINEA, esse é um forte argumento para a escolha de máquinas, já que o especialista em redutores retifica cerca de 20 tipos de peças semelhantes na JUMAT.

SPINEA e JUNKER: parceiros para o futuro

Outro fator de decisão importante para a cooperação com a JUNKER é a assistência técnica no local: caso ocorra uma falha inesperada, a filial do fabricante de retificadoras na cidade tcheca de Holice está sempre disponível. "A JUNKER consegue atender nossos altos requisitos tecnológicos com facilidade. E, além do mais, é um parceiro que pensa junto.", explica o senhor Sedlák. O responsável pela tecnologia de automação acrescenta ainda: "Na qualidade de fornecedor da indústria automotiva, a JUNKER tem experiência com tempos de ciclos de produção e períodos improdutivos curtos.” Com esse conhecimento, nosso parceiro também nos assessorou na construção de uma estação de trabalho robotizada para carga e descarga de peças.

Não é de admirar que a cooperação de sucesso desses dois parceiros "Partner for Precision” continue no futuro: a SPINEA irá substituir gradualmente as máquinas improdutivas ou antiquadas pelos modelos da JUNKER que já deram provas de suas qualidades na produção. A SPINEA também já tem planos concretos para os próximos anos. Devido à elevada demanda, o especialista irá aumentar sua produção. Máquinas adicionais deverão ser adquiridas em Prešov.

Na imagem da esquerda para a direita: Peter Palko (operador de máquinas na SPINEA), Peter Sedlák, Daniel Adamíra (Gerente de vendas de área da JUNKER).

Diversos formatos de peças e inúmeras variantes de cabeçotes fixos de retificação contribuem para uma versatilidade imbatível.

No caso da retificação de internos na JUMAT são utilizados cabeçotes de retificação especiais com uma velocidade de rotação elevada. Desse modo, ela alcança uma velocidade de corte de mais de 110 m/s.

Qualidade, tempo do ciclo, disponibilidade: a retificadora cilíndrica para retificação de internos e externos JUMAT, não deixa nada a desejar.

O eixo excêntrico, a carcaça e o flange da engrenagem de redução de alta precisão "TwinSpin" são usinados pela SPINEA com retificadoras da JUNKER. (Fonte: SPINEA)